sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

...


E desde então, sou porque tu és
E desde então és
sou e somos...
E por amor
Serei...Serás...Seremos...


*Pablo Neruda*



P.S.: Esse é nosso, pra amanhã...
;-)

Um comentário:

Alexandre disse...

Que lindo! Adorei o poema!
Bjo!