quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Abstrato


eu nunca beijei um poema.
no entanto ele está aqui
roçando leve minha
boca
nas horas dos
mais
doídos
silêncios


*Mariana*

5 comentários:

Ice Ice Baby disse...

belíssimo!

Leonardo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Leonardo disse...

Minha boca versa Lilian...

Eduardo P L disse...

Lilian,

quero agradecer seu comentário no Drops, e muito especialmente depois de ter recebido um comentário DESAFORADO de um tal de Marcio, desancando a carta da Eleitora. Tive, ao postar a mesma impressão sua, e depois do comentário citado, fiquei em dúvida! Obrigado por ele!

Abçs e parabéns pelo seu lindo cantinho.

luiz alfredo motta fontana disse...

Teu blog flutua

Tal qual Leminsk

Teu sítio é sereno

Tua brisa é suave


Fontana